O que tem que ser traz força!

A frase acima é de um livro ótimo que anda em minhas mãos nesses tempos. E devo confessar que como ando meio hipnotizada pela leitura, fiquei matutando horas depois de ler a frase, sobre toda a verdade que vem com ela!!!!

Eu concordo! O que tem que ser, traz força…

Quando era criança, morávamos eu, mamis, papis e hermanas em Brasília. Nas férias, vínhamos do cerrado direto ao interior de São Paulo (hora em Brotas, hora em Campinas). Quando estávamos em Campinas de férias na casa dos avós, sempre sobrava o Shopping Iguatemi como uma das opções de passeio. E já que passeio de paulista que se preze é shopping, vou dividir um causo com vocês.

Eu deveria ter uns 7 ou 8 anos e sempre que chegávamos no shopping, me direcionava para a Casa Campos (ela ainda está no mesmo lugar depois da ampliação do Iguatemi). Mas o que uma criança desta idade ia querer entre toalhas e roupa de cama??? Nada, o esquema é que essa loja servia de referência para eu encontrar a loja que mais amava do shopping inteiro…O Antiquário!

Ele não está mais lá, e na verdade não consigo nem me lembrar o nome da loja…Mas, lembro como se fosse hoje, dos jogos de louça antiga, das cristaleiras abarrotadas de taças coloridas e cheias de detalhes e também da cômoda “bombê”, ahhh a cômoda bombê…Eu ficava horas tentando pensar de onde vinha aquele móvel, quem era a princesa que era dona dele…Ficava olhando a cômoda como que transportada para um conto de fadas…

Essas parecem com a que eu ficava olhando na loja…

Comodabonmbe

comodabombe2

E depois a vida seguiu, nos mudamos de Brasília para Campinas, a loja não existe mais no Iguatemi (será que ela ainda existe em algum lugar?), eu não tenho mais 7 anos e muita coisa aconteceu…Porém, uma coisa fica me passando pela cabeça sempre, o meu gosto de criança por móveis antigos ficou ali guardadinho, esperando oportunidade de entrar em cena!

Hoje, com a decoração do cafofo sob minha supervisão e podendo escolher o que colocar nesse espaço que tenho para chamar de meu, esse gosto por coisas antigas tenta ser  estampado em cada cantinho. E apesar de continuar sem ter uma cômoda bombê (ela nem cabe!) eu sempre penso que o novo nunca me encantou com a mesma força do antigo…O que tem história sempre me agrada mais!

Agora, o passeio de garimpagem não é mais no shopping, acontece em outra escala e com autonomia bem diferente daquela época…

Marido usa esse artifício sempre que estou meio “assim assim” tristinha. É sorriso certo no rosto passar algumas horinhas no meio de depósitos de coisa velha! Injeta ânimo instantâneo sair numa garimpagem sem saber o que vai encontrar pra comprar e transformar.

Na última empreitada dessas, era sábado de chuva e o trabalho não ia render no ateliê. Olha o tesouro abandonado e com frio que achei tomando chuva…

IMG_0507

Era pulinho de emoção e alegria quando compramos e levamos para o carro. Depois de banho, plaina, troca de parafusos e uma bela cera de carnaúba…Essa linda foi lá pra cozinha do quintal ser a base das máquinas antigas que sempre usamos (moedor de carne, de queijo e máquina de macarrão caseiro).

IMG_0510

Dona Bibiana Terra, você estava coberta de razão. O que tem que ser, traz força…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s